Antes de falar sobre como o gás funciona na rede PLCUX, vamos entender qual é o conceito de gás no mundo de criptomoedas. Em palavras simples, é a taxa de transação em plataformas blockchain para contratos inteligentes. Na rede PLCUX, o gás é cobrado por todas as transações, o gás não é aplicado às transações de serviço. O gás é combustível para a rede, assim como a gasolina para o motor. Atualmente, a comissão de gás é de 1%, mas não inferior a 0,0002 PLCU.

Para entender melhor o princípio do cálculo do gás para transações na rede PLCUX, logo vamos dar um exemplo seguinte. Vamos imaginar que queremos fazer a transação na rede de PLCUX, por exemplo, enviar 1 PLCUX da carteira E para a carteira B. Antes que essa transação ficar efetuada na rede, o sistema irá calcular a quantidade do gás em PLCU, e só depois será paga a comissão, a transação será assinada e aceite pela rede. O gás na rede PLCUX funciona de maneira semelhante ao mecanismo bancário de cobrança de comissão por transferências. 

Como é calculada a taxa de gás? 

A taxa de gás é calculada em três etapas:

1) Primeiro, realiza-se a conversão de PLCUX em euros;

2) Em seguida, 1% é deduzido do valor em euros;

3) O montante em euros é então convertido em PLCU.

Vamos voltar ao nosso exemplo:

Então, queremos transferir 1 PLCUX. Suponhamos que, no momento da transação, 1 PLCUX seja igual a 10.000 EUR; nesse caso, 1% desse valor será de 100 EUR — esse é o valor da taxa de gás paga em PLCU. Para calcular o custo total em PLCU, é necessário converter o valor em euros para PLCU à taxa de câmbio atual. Suponhamos que a taxa de câmbio de PLCU no momento da transação também seja igual a 10.000 EUR, o que significa que, com base no nosso exemplo, 100 EUR = 0,01 PLCU — esse será o valor que deve ser pago como gás. 

 

Então, com a taxa de câmbio usada no exemplo, para transferir 1 PLCUX, precisamos pagar 0,01 PLCU na forma da taxa de gás.

A taxa de gás é paga em todas as transações com PLCUX — tanto no envio de coins, quanto na conclusão de contratos inteligentes. Portanto para manusear o coin de PLCUX e efetuar sua mineração, você sempre precisa ter um saldo de PLCU na sua carteira

O que acontece com PLCU após uma transação de gás? 

Todas os coins são queimados, reduzindo assim o número de coins PLCU no mercado. Essa estratégia permite transações, contratos inteligentes na rede PLCUX e, ao mesmo tempo, cria uma escassez de PLCU no mercado. Este é o mesmo mecanismo deflacionário, sobre o qual estávamos relatando para vocês muitas vezes em webinars e vídeos. Afinal, sabemos bem que o preço aumenta quando a demanda excede a oferta. Essa abordagem torna os preços de PLCU e de PLCUX resistentes a qualquer sentimento do mercado.

Esperamos que, depois de ler esta instrução, você não tenha dúvidas sobre o funcionamento do gás em nossas redes blockchain. Desejamos-lhe um minting bem sucedido e alto lucro!